O Comitê Brasileiro de Análises Clínicas e Diagnóstico in Vitro (Comitê CB-036) se reuniu nesta última quarta-feira, dia 30 de outubro, na sede da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), no Rio de Janeiro (RJ), para debater a criação de um sub-comitê de Testes Rápidos para Diagnóstico In Vitro – Point of Care. O grupo será coordenado pelo Dr. Humberto Tibúrcio (CB-36) e a secretaria será da consultora técnica da CBDL, Dhalia Gutemberg. 

“Os trabalhos estão relativamente avançados e em breve iremos circular como funciona a normatização” destacou Dhalia. 

De acordo com informações, a norma “ISO 22870:2006 (Point of Care Testing- Requirements for quality and competence”) já está traduzida para o português e fornece requisitos específicos aplicáveis aos testes POCT .   

Nas próximas reuniões, se iniciarão os trabalhos de adequação ao formato ABNT. Participam ainda do comitê, a Anvisa e representantes de laboratórios clínicos, da indústria, de associações do segmento, de instituições médicas e especialistas. 

A secretária do comitê e consultora técnica da CBDL, Dhalia Gutemberg aproveitou para convidar os técnicos das empresas associadas à entidade para se integrarem e fazerem suas contribuições ao assunto. 

Vale lembrar que a CBDL também faz parte do Comitê de Análises Clínicas e Toxicológicas do Conselho Regional de Farmácia de São Paulo e é membro do Comitê Temático de Correlatos da Famacopeia Brasileira. (Com informações da CBDL – 31.10.19)