Notícias

Novo teste não invasivo pode identificar câncer colorretal com mais precisão

Um novo exame não invasivo com tecnologia multiplex com microesferas usadas em amostras de soro, pode detectar marcadores para um diagnóstico precoce do câncer de cólon. A novidade foi desenvolvida pelo Instituto de Pesquisa Médica (MRI), da Universidade de Alexandria, no Egito.

De acordo com os pesquisadores, os testes não invasivos utilizados hoje em dia (sangue oculto nas fezes), não têm muita precisão e têm grandes chances de dar resultados falsos positivos, o que pode culminar na necessidade de colonoscopia, exame altamente invasivo.

A pesquisa foi feita com 87 pacientes, com histórico de colonoscopia, separados em um grupo de 35 pessoas com diagnóstico confirmado de câncer colorretal e 52 sem a enfermidade.

“O principal aspecto de nossa metodologia é o uso da tecnologia multiplex com microesferas para identificar marcadores a partir do soro do paciente, o que reduz o custo e o tempo para se obter o diagnóstico”, comentou a Dra. Mona Eldeeb, médica responsável pelo estudo.

Segundo a pesquisadora, o desempenho dos marcadores estudados é bem superior ao fornecido pelo teste de sangue oculto nas fezes.

O estudo Multiplex bead assay of serum based biomarkers as a proposed panel for colorectal cancer diagnosis foi divulgado no 2021 AACC Annual Scientific Meeting and Clinical Lab Expo, realizado em Atlanta, Estados Unidos. (Com informações do Labnetwork – 13.10.21)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whitebook of Brazilian laboratory diagnosis

Download here!

Livro Branco

Faça o download abaixo!